Background

FRAUDE - UM ASSUNTO QUE PRECISA SER ABORDADO

FRAUDE - UM ASSUNTO QUE PRECISA SER ABORDADO

FRAUDE - UM ASSUNTO QUE PRECISA SER ABORDADO

                                            A definição literal de fraude é: qualquer ato ardiloso, enganoso, de má-fé, com o intuito de lesar ou ludibriar outrem, ou de não cumprir determinado dever.

                                  As fraudes são mais comuns do que se imagina dentro do mundo corporativo, ainda mais dentro do universo das pequenas e médias empresas que, no mais das vezes, não contam com áreas de gestão e negócios com atribuições bem definidas, nem áreas de controles internos, gestão de riscos, compliance e auditoria interna.

                        A ACFE (Association of Certified Fraud Examners) que é uma organização internacional de examinadores de fraude informa que 5% do faturamento bruto de TODAS as empresas são perdidos anualmente por fraudes.

                                   Nesse cenário afirmar que em sua empresa não há fraude, é a primeira brecha que pode ser aberta para que ela ocorra, isso porque, a afirmação de não ocorrência pressupõe a não adoção de mecanismos para evitar ou detectar a ocorrência de fraudes, o que abre um espaço necessário para que a fraude venha ocorrer: a oportunidade.

                                  Algo que deve ser esclarecido é que a ocorrência de fraudes está intimamente ligada a má gestão de riscos e procedimentos, além disso as fraudes podem produzir diferentes formas de perdas financeiras para as empresas: perdas diretas (quando há, por exemplo, desvio de ativos – valores, mercadorias etc) e perdas indiretas (em razão de vazamento de informações confidenciais, por exemplo). Além das perdas financeiras, a ocorrência de fraude pode acarretar em perda reputacional das empresas, as quais podem representar potencial danoso ainda maior que eventuais perdas financeiras.

                                   Dentro desse cenário de realidade de ocorrência de fraudes em nível mundial no universo corporativo surge a questão: como o compliance pode ajudar sua empresa na prevenção a ocorrência de fraudes?

                              Podemos dizer que o compliance integra a segunda linha de defesa de empresas na prevenção a ocorrência de fraudes, sua função é prevenir, detectar e sanar eventuais fraudes que estejam ocorrendo ou prestes a ocorrer, por meio de mecanismos internos (controles), gestão de riscos, educação corporativa e monitoramento continuado.

                                   Dentre todos os mecanismos listados acima, o BCompliance acredita que a educação corporativa é o com maior potencial de geração de resultados, ainda mais no cenário de médias e pequenas empresas, isso porque, deixar claro para todos os colaboradores e terceiros as regras de ética e conduta adotadas pela empresa (criar uma cultura organizacional baseada na integridade), estruturar políticas empresariais com base nos riscos do negócio e divulga-las a seus colaboradores é uma forma eficiente de potencializar os resultados do negócio e gerar um ambiente de avesso à ocorrência de fraudes, dentro do qual, caso ela venha a ocorrer será prontamente detectada e sanada, reduzindo seu potencial de dano.

                               Nos contate e conheça os produtos e serviços que o BCompliance tem a oferecer para sua empresa.

                                      BCompliance – Desenvolvimento, Tecnologia e Informação a serviço da Ética e da Integridade. 

Categorias

FALE CONOSCO

Ficou alguma dúvida? Preencha o formulário abaixo, que entramos em contato.